Share
A- A A+

“Conchas marinhas no deserto”

Pirâmides egípcias e a Esfinge estão “empacotadas” de fósseis marinhos

por David Catchpoole
traduzido por Daniel Ruy Pereira (Considere a Possibilidade)

Compilation of images from stock.xchng and stockxpert

Pyramids seashells

Os imensos blocos de calcário das pirâmides egípcias contêm abundantes conchas fósseis, muitas delas ainda lindamente intactas, de acordo com uma recente análise mineralógica.1 

Na Grande Pirâmide de Khufu (Quéops), as conchas fósseis constituem “uma proporção acima de 40% de toda a construção de pedra”, explicam o Professor Ioannis Liritzis e seus colegas da Universidade do Egeu e da Universidade de Atenas. Os fósseis eram predominantemente de nummulites [fósseis encaracolados de foraminíferos (protozoários), com o formato de moedas], mas também foram detectados ouriços-do-mar, estrelas-do-mar e.

Essa notícia serviu para intensificar o debate se os blocos da pirâmide foram cavadas da rocha natural ou se eram de concreto – uma idéia proposta a duas décadas atrás por Joseph Davidovits, professor e diretor do Instituto de Geopolímeros da França. Davidovits conseguiu reproduzir esse “calcário artificial”

Referências e notas

  1. Viegas, J., Pyramids packed with fossil chells, ABC News in Science, abc.net.au/science/articles/2008/04/28/2229383.htm, 28 abril 2008. Voltar ao texto.

They say time is money. Well, this site provides over 30 years of information. That’s a lot of money and time. Would you support our efforts to keep this information coming for 30 more years? Support this site

Copied to clipboard
9070
Product added to cart.
Click store to checkout.
In your shopping cart

Remove All Products in Cart
Go to store and Checkout
Go to store
Total price does not include shipping costs. Prices subject to change in accordance with your country’s store.