Share
A- A A+
The Creation Answers Book
by Various

US $9.00
View Item

Afinal, do que estamos falando?

Primeira vez aqui? About Creation Ministries International

Este site responde a muitas das questões mais levantadas a respeito de Deus (o nosso Criador) e da Bíblia.

Hoje, muitas pessoas creem que a raça humana existe como mero resultado de um esdrúxulo acidente cósmico que não tinha nenhuma causa ou propósito. Na verdade, essa crença hoje permeia instituições de ensino em todo o mundo. Como disse o professor Peter Atkins de Oxford (Reino Unido): ‘Nós somos apenas uma porção de lama neste planeta”. Até mesmo muitos daqueles que dizem acreditar em Deus tem sido “educados” nesta nova forma “esclarecida” de pensar. Assim, eles acreditam que a Bíblia, a qual afirma ser a Palavra de Deus, é meramente palavras de homens falhos. Como consequência, eles se veem livres para inventar suas próprias idéias a respeito de Deus, ao invés de se submeterem ao que Ele revelou na Bíblia.

Esta filosofia naturalista (“evolução”) elimina qualquer fonte clara de autoridade em nossas vidas. Se não existe um Deus Criador que governa sobre nós, então não existe uma base definitiva para moralidade, sentido ou propósito. Assim como o professor da Universidade de Cornell e ateu, Dr. Will Provine, apontou a respeito dessa visão consistente evolucionista:

“[…] Não existem deuses, nem propósitos nem forças objetivas direcionadas de qualquer tipo. Não existe vida após a morte. Quando eu morrer, estarei absolutamente certo de que vou estar morto. Esse é o fim para mim. Não existe fundamento definitivo para a ética, nem significado definitivo para a vida e nem livre arbítrio dos seres humanos.”1
A family reading

©istockphoto/STEEX

Ou, colocando de outra maneira, como sentido e moralidade podem vir de reações químicas aleatórias originárias de um acidente cósmico? Um reconhecimento feito pelo tão conhecido evolucionista britânico e ateu Richard Dawkins deixa claro o problema:

Jaron Lanier: “Há um grande grupo de pessoas que simplesmente se sentem desconfortáveis em aceitar a teoria da evolução, pois ela leva ao que eles percebem como um vácuo moral, no qual os melhores impulsos deles não teriam nenhuma base na natureza.”

Richard Dawkins: “Tudo o que posso dizer é, isso é bem difícil. Temos que encarar a verdade.”2

Para os cristãos, tentar aceitar essa prevalecente visão evolucionista de longas eras faz enfraquecer os princípios básicos da fé cristã. A constante aplicação da cosmovisão evolucionista à Bíblia, distorcendo o ensinamento bíblico para adaptá-lo a essa cosmovisão, traz como resultado o ateísmo ou uma “religião” indistinguível do ateísmo, como o professor Provine reconheceu:

“[…] crença na evolução moderna torna as pessoas atéias. Uma pessoa pode ter uma visão religiosa que é compatível com a evolução somente se essa visão é indistinguível do ateísmo”.3

A história do apóstata e ex-evangelista Charles Templeton infelizmente confirma a verdade da declaração de Provine. Muitos outros ateus têm histórias semelhantes: eram crentes outrora, eles dizem, mas deixaram de ser quando aprenderam a “verdade” da evolução na escola ou na universidade.

É claro que muitos evitam esse problema tentando apenas não pensar no assunto. Mas não é de se estranhar que a teoria da evolução torna muitas das pessoas que pensam sobre o assunto em ateus, porque ela enfraquece os fundamentos básicos sobre os quais a fé cristã repousa:

  • Que Deus criou tudo o que existe, então Ele está no comando e nós, como suas criaturas, respondemos a Ele. Na biologia, geologia e cosmologia evolucionistas, todas as coisas foram auto-criadas — o universo, a terra, os mares e as coisas viventes. Até mesmo a idéia de “deus” evoluiu junto com os seres humanos enquanto o “inventamos”, supostamente para ajudar a nossa sobrevivência.

  • No princípio, Deus criou todas as coisas e viu que tudo era “muito bom” (Gênesis 1:31). Contrariamente a isso, a crença evolucionista afirma que houveram muitos milhões de anos de “sobrevivência do mais forte” e de morte dos seres menos adaptados antes de a humanidade aparecer na cena, já próximo ao fim da linha do tempo.

  • Sofrimento, desorganização e morte sobrevieram na tão boa criação de Deus como consequência da rebelião dos nossos antepassados originais, Adão e Eva (Gênesis 3). A morte é uma intrusa, introduzida pelo pecado (rebelião), “o último inimigo” a ser destruído; é por isso que Jesus Cristo, o último Adão, veio à Terra: para que vencesse a morte (Romanos 5:12-21, 1 Coríntios 15: 21,22,26), estabelecendo uma via de escape para os filhos e filhas perdidas de Adão. Para mais sobre isso, veja Boas Novas. Ao contrário disso, a evolução afirma que sofrimento existe na Terra há eras de tempo, desde quando as células nervosas e cérebros evoluíram — não há nenhuma relação com o pecado humano; na verdade, ‘pecado’ (como comportamento anti-social) é apenas uma conseqüência de nossa ancestralidade animal, de acordo com essa visão. Assim, um “deus” que é inventado para ser consistente com esse cenário de longo prazo (mesmo nas crenças anti-evolucionistas da “criação progressiva”) deve realmente querer e gostar de morte, câncer, e outros males, uma vez que este “deus” claramente ficou satisfeito em permitir que todo esse sofrimento e derramamento de sangue governasse o mundo durante eras, desde o início dos tempos, bem antes de qualquer pecado humano.

O ministério Creation Ministries International existe para promover a realidade de que Deus revelou “verdades verdadeiras” na Bíblia. Isto inclui os relatos bíblicos da Criação, Queda e Dilúvio em Gênesis, os quais representam histórias reais e são muito importantes para a fé cristã, como ficou claro pela afirmações anteriores. A história do Dilúvio é crucial para entender o porque de haver inúmeros fósseis enterrados em pedras depositadas pela água em todo o mundo — rochas que comportam fósseis não são testemunhos sobre as imaginadas longas eras. Levamos a sério o exemplo do Apóstolo Paulo em refutar argumentos que são levantados contra o conhecimento de Deus (2 Coríntios 10:5) e o mandamento de Jesus Cristo que nos diz que devemos amar a Deus com todo nosso coração, alma e entendimento (Mateus 22:37). Devemos aplicar um rigor intelectual à fé, se quisermos ser fiéis às instruções de nosso Senhor e Salvador. Saiba mais sobre os princípios básicos da nossa crença na seção Quem Somos e em especial a nossa declaração de fé.

Neste site você pode aprender muitas coisas que mostram que há um Criador que nos criou e que nos revelou verdades muito importantes pela Bíblia.

Esperança em tempos de aflição

Neste site você poderá aprender diversas coisas que mostram que existe um Criador que nos criou e que nos revelou verdades importantes pela Bíblia

A cosmovisão evolutiva hoje permeia os sistemas de ensino em todos os níveis, bem como os meios de comunicação. Essa tomada de poder indiscriminada aconteceu nos últimos 30-80 anos, dependendo do país, sendo os primeiros a Alemanha Nazista e os países comunistas.

As terríveis conseqüências do materialismo evolucionista nos enfrentam em toda parte: vidas, famílias e comunidades debilitadas. A “epidemia” de suicídios (especialmente entre jovens) em países que já foram cristãos resulta de maneira lógica a partir desta doutrina niilista. Veja Darwin, Spurgeon e o ‘Cachorro Negro’-dias de depressão, suicídio, e o significado de tudo isso.

O trabalho dos envolvidos na fundação do ministério Creation Ministries International tem levado muita gente a encontrar seu caminho para longe da aflição dos nossos tempos, porque eles conheceram a verdade — de que não estamos sós; Deus nos criou com um propósito — para nos relacionarmos com Ele pela eternidade. Isto só é possível por causa do que Ele fez por meio de Jesus Cristo, nas Boas Novas. Veja, por exemplo, o testemunho de Christian Huls, o testemunho de Sonia, a fé naufragada de escolas “cristãs” hoje restauradas pelo ministério criacionista, e “Não há desculpas para não crer” por Lita Cosner.

“Simplificando, se a evolução é o modo pelo qual o mundo veio a existir, então não há necessidade de um Deus. Se, no entanto, o mundo/universo foi criado, então deve haver um Criador. Este é um testemunho muito poderoso… que faz um impacto sobre crentes e descrentes igualmente.”—Dennis H.

Neste site você poderá aprender diversas coisas que mostram que existe um Criador que nos criou e que nos revelou verdades importantes pela Bíblia — é a mensagem do nosso Criador para nós. Você pode navegar pelos diferentes tópicos em Perguntas e Respostas, ou digitar seus tópicos de interesse na janela de busca para encontrar artigos sobre o assunto. Tudo isso é gratuito. Você também pode assinar a revista Creation magazine (nossa recomendação número 1 — sem publicidade paga — que vai para mais de 110 países ao redor do mundo) e o mais aprofundado Journal of Creation. Você também pode obter livros, CDs e DVDs na nossa segura livraria on-line. Você também terá informações sobre as brilhantes apresentações agendadas com nossos palestrantes e os próximos seminários, conferências e acampamentos em sua área. Você também poderá solicitar um evento.

Esperamos que você seja abençoado à medida que se equipa com as respostas fornecidas aqui — respostas que irão encorajá-lo a ser ousado no testemunho e a ser eficaz em derrubar as fortalezas da incredulidade. Ou talvez você vai se tornar um seguidor de Cristo, se você já não o for.

Bem-vindo ao nosso site!

Referências

  1. Provine, W.B., Origins Research 16(1), p.9, 1994. Retornar.
  2. Evolution: the dissent of Darwin, Psychology Today Jan/Feb 1997, p. 62. Retornar.
  3. Provine, W.B., ‘No free will’ in Catching up with the Vision, Margaret W Rossiter (Ed.), Chicago University Press, p. S123, 1999. Retornar.

You are probably accessing this site because you had questions—just like everyone else. That’s why CMI exists. You can help keep the free answers on this site coming. Support this site

Copied to clipboard
9022
Product added to cart.
Click store to checkout.
In your shopping cart

Remove All Products in Cart
Go to store and Checkout
Go to store
Total price does not include shipping costs. Prices subject to change in accordance with your country’s store.