Also Available in:

Rocha Instantânea

Aplicação inesperada para Receita de Rocha Dura

por
traduzido por Rodrigo Gomes Toni e revisado por Danielle Virgínia Félix

11947-grand-canyon
Wikimedia Commons/Tobias Alt

A maioria das pessoas imagina que leva milhões de anos para formar rochas sedimentares. Essa é certamente a impressão que nos é dada em nossa cultura de hoje. E por causa dessa impressão, muitas pessoas dispensam as alegações da Bíblia, a qual descreve a Criação em seis dias de rotação da terra há aproximadamente 6.000 anos atrás.

Entretanto, alguns cientistas australianos desenvolveram um novo processo químico revolucionário que transforma sedimento solto em rochas dentro de dias.1,2 A invenção não usa materiais sintéticos ou estranhos, mas imita o processo natural. Alguns podem achar isso difícil de acreditar, mas é verdade. Ao contrário da impressão geral, não leva milhões de anos para produzir rochas sedimentares. Tudo que se precisa são as condições certas.

O que é Rocha Sedimentar?

Rocha sedimentar, tal qual arenito, é composta de grãos de materiais ajuntados com cimento. Os grãos podem ser fragmentos de outra rocha, ou minerais tais como quartzo ou calcita.3 Os fragmentos podem ser minúsculos como barro ou maiores como areia, seixos ou até pedregulhos. A rocha pode ser composta de partículas de tamanho similar (“bem sortidas”) ou a mistura de tamanhos (“pobremente sortidas”). Tecnicamente as partículas são chamadas clastes e a rochas são chamadas rochas clásticas. (Nota do Tradutor: clastes vem do grego clastos e significa fragmento; logo clástico significa fragmentário)

Exceto por rochas de grãos finos como argilito, rochas clásticas são usualmente porosas. Os espaços ou poros entre os grãos podem armazenar fluídos de poro tais como água, a qual pode se mover através da rocha. Óleo, gás e água são armazenados no subterrâneo dessa forma.

Em rochas naturais, muitos minerais podem cimentar os grãos juntos. Cimentos comuns incluem calcita, quartzo ou minérios de ferro. Cimentos diferentes produzem rochas com diferentes resistências e diferentes cores. Por exemplo, minerais ferrosos produzem rochas vermelhas.

Algumas vezes o sedimento está bem cimentado, produzindo uma rocha sólida e uniforme, valiosa para pedra de construção, como por exemplo, o Arenito de Hawkesbury, nos arredores de Sydney. Algumas vezes a cimentação é desigual e a qualidade da rocha é variável – dura em algumas partes e quebradiça em outras. Ocasionalmente o cimento é confinado a pequenos bolsos e formações sólidas com formatos incomuns.

Quando uma rocha é pobremente cimentada, engenheiros constatam que as fundações da edificação retraem e aterros entram em colapso. Uma maneira óbvia de melhorar a resistência das fundações seria aumentar a cimentação na rocha. É assim que a nova invenção de rocha instantânea funciona.

Soluções Químicas

A nova invenção é simples de usar. Tudo que é necessário é borrifar duas soluções sobre a superfície porosa, seja areia, terra ou rocha. As soluções a base de água penetram para dentro do material, substituindo o fluído poroso existente. Alternativamente, as soluções podem ser injetadas no material. Por conta das soluções fluírem facilmente, como água, o sedimento é rapidamente penetrado. E sendo inteiramente atóxicas, as soluções não representam um risco à saúde ou risco ambiental.

Uma vez dentro dos poros, os agentes químicos reagem para formar cristais de calcita sobre a superfície de cada grão de sedimento. A calcita cimenta os grãos uns nos outros e dá ao sedimento a resistência de uma rocha. A velocidade da reação pode ser regulada de um a sete dias para permitir a solução penetrar no sedimento o tanto quanto for desejado.

Porquanto o cimento cobre apenas a superfície do grão, os espaços entre os grãos permanecem abertos. Assim a porosidade da rocha é apenas levemente reduzida e o fluxo de água subterrânea não é obstruído. Isso significa que as soluções podem ser aplicadas várias vezes ao mesmo sedimento e continuarem a penetrar os espaços dos poros, adicionando cimento extra cada vez. O sedimento poderia ser convertido em rocha quase sólida com os poros em sua maioria preenchidos, mas isso requereria muitas aplicações e alguns meses para se conseguir. Água comum não amaciará a calcita, então as ligas de cimento devem permanecer fortes indefinidamente.2

Várias Aplicações

A invenção de rocha instantânea tem muitos usos práticos, incluindo o fortalecimento de fundações fracas, estabilizar terraplanagens e fortalecer túneis. Um dos primeiros projetos era reparar um túnel histórico na Austrália ocidental que era perigoso e fechado ao público. Após apenas três aplicações, o túnel foi fortificado e o método economizou muito dinheiro.

O Metrô de Londres testou o método para estabilizar algumas de suas terraplanagens com a grande vantagem de que os materiais podem ser fortificados in loco, isto é, no próprio local. O processo poderia também ser usado para preservar monumentos históricos.

11947_cips
As soluções químicas penetram os espaços dos poros e reagem para formar cristais de calcita sobre a superfície dos grãos. Quando cimentado, o sedimento é rocha dura. O processo imita como a rocha sedimentar se forma na natureza. Aplicações repetidas resultam em acumulação adicional de cimento de calcita ao redor dos grãos. O Calcite In-situ Precipitation System – CIPS (Sistema de Precipitação In Loco de Calcita) imita a cristalização natural sobre as partículas, a qual melhora a estabilidade. 

‘Não Conte aos Criacionistas’

Uma aplicação inesperada dessa pesquisa é que ela dramaticamente demonstra o fato de que rochas não precisam de milhões de anos para se formarem. Certamente para um dos inventores, essa aplicação se tornou um choque.

Quando o CMI-Austrália leu sobre esta invenção pela primeira vez, nós escrevemos ao Dr. Ed Kucharski pedindo detalhes. Entretanto nós não recebemos uma resposta e presumimos que ele não estava mais trabalhando no projeto ou que nós tínhamos o endereço errado de email.

Imaginem nossa surpresa quando nós lemos um artigo publicado no Reino Unido sobre o processo, onde foi relatado que o Dr Kucharski disse: “Nós tivemos alguns questionamentos que pareciam estranhos. Quando os examinei cuidadosamente, eu percebi que tais questionamentos eram de um grupo de criacionistas tentando refutar a teoria da Evolução de Darwin. Eu não lhes retornei o contato.”4 Obviamente, o cientista falava de nosso questionamento.

O CMI procura dissipar os equívocos populares que impedem as pessoas de considerarem o Deus Criador da Bíblia. Um equívoco poderoso é que as rochas levam milhões de anos para se formarem. Esta alegação não é verdadeira. A nova pesquisa vividamente demonstra que, com as condições apropriadas, as rochas podem se formar muito rapidamente.

O Dilúvio global é a chave. Águas do Dilúvio fluindo sobre a Terra durante aquele cataclisma despejou os imensos depósitos de sedimento. E as mesmas águas do Dilúvio continham os agentes químicos dissolvidos que rapidamente cimentaram o sedimento, transformando-o em rocha. A invenção da rocha instantânea da Austrália demonstra poderosamente como rochas sedimentares puderam facilmente se formar bem dentro da linha cronológica de 6.000 anos descritos na Bíblia.

Referências e notas

  1. Kucharski, E., Price, G., Li, H. e Joer, H.A., Avalição de Laboratório das areias de calcário e sílica cimentadas pelo CIPS, Procedimentos da 7ªh Conferência Austrália-Nova Zelândia sobre Geomecânica, Sul da Austrália, pp. 102–107, 1996. Retornar ao texto.
  2. Kucharski, E., Price, G., Li, H. e Joer, H., Engendrando as propriedades de areias cimentadas usando o calcito o sistema de precipitação de calcita in loco (CIPS), Revista Exploration and Mining Research News 7:12–14, Janeiro de 1997. Retornar ao texto.
  3. Cristais de Calcita (CaCO3) tem uma forma prismática distintiva e podem ser raspados com uma faca. Quartzo (SiO2) é mais duro que uma faca. Corais e conchas são feitos de calcita, assim como são a maioria das estalactites e estalagmites em cavernas. Usualmente calcita é incolor ou branca, mas ela também pode ser amarela, rosa, marrom ou verde. Retornar ao texto.
  4. Thompson, P., Spray de cientistas provaram que rocha se estabiliza, Construction News 6737:36, 11 de Outubro de 2001. Retornar ao texto.

Helpful Resources

Geology by Design
by Carl R Froede Jr
From
US $15.00
Rapid Rocks
From
US $10.00
DVD